Este site utiliza cookies para tornar melhor a sua experiência de navegação.
Ao continuar sua navegação, é considerado sua concordância à nossa Política de utilização
dos mesmos. Leia a nossa Política de Cookies aqui.

Por favor, informe sua localização

    Mitshubishi Motors

    Encontre uma concessionária

    Mitsubishi Motorsports Etapa 09 Velo Città - Mogi Guaçu (SP)

    Data do Evento: 24/11/2018

    Patrocinadores

    Mitsubishi Pró Brasil

    Mais de 64,5 toneladas de alimentos arrecadados em 2017.

    Saiba mais

    Mogi Guaçu (SP), 24 de novembro de 2018 – Água. Muita água!

    Esse foi o tempero especial na Super Final Mapfre Mitsubishi Motors do rali de regularidade Mitsubishi Motorsports e do rali de aventura e tarefas Mitsubishi Outdoor disputados simultaneamente neste sábado em Mogi Guaçu (SP). “Pra gente que gosta do rali e do barro, foi muito bom”, destaca o navegador campeão da categoria Master, Jhonatan Ardigo.

    A base das provas foi o moderno Autódromo Velo Città, que dispõe de uma grande e moderna infraestrutura. Foram mais de 1.500 pessoas - e cerca de 350 carros - que se encontram no local para o almoço com os mais badalados food trucks de São Paulo e onde todos puderam acompanhar um show e as cerimônias de premiação.

    No rali de regularidade, não é necessário ter experiência e o objetivo é manter-se dentro do tempo e velocidades estipulados pela organização. São quatro categorias, dependendo do nível técnico de cada dupla, que é formada por piloto e navegador.

    O casal Affonso Zampirolli Faria e Angela de Freitas viajou mais de 12 horas desde Cachoeiro do Itapemirim, no Espírito Santo, só para participar da prova. “O ambiente e o evento são muito bacanas. Gostamos muito da marca. Aproveitamos bem o passeio, além de curtir o carro”, destaca Affonso. “Pra mim mais é o turismo, poder passear”, afirma Angela.

    Pelo percurso, os participantes tiveram um visual muito bonito cruzando estradas de fazenda, vicinais, áreas de reflorestamento, além de canaviais, típicos da região.

    José Eduardo Ramos Teixeira e Christianne Carneiro Tabacow, de São Paulo (SP), colocaram seu ASX 4x4 nas trilhas. “Esse clima, essa alegria, mesmo com a chuva, é tudo muito bom. São as pessoas, as amizades, tudo é maravilhoso. É uma iniciativa muito legal da Mitsubishi e eu adoro isso”, vibra José.

    Celso e Giane Watashi, de Mogi das Cruzes (SP), vieram com a família toda. “É tudo muito bom: o ambiente, as provas, a competitividade, o carro, o passeio”, destaca Giani. “É um fim de semana em família espetacular. Ontem aproveitamos até para fazer compras na região. São dias para se divertir, sair um pouco da cidade, passear com as crianças, é bom demais”, afirma Celso.

    Já Osvaldo Prezotto e Nathalia Graciano saíram de São José dos Campos (SP) para subir ao pódio pela primeira vez na Turismo Light. “A sensação de ganhar é inexplicável. Já vi vários amigos subirem ao pódio, mas estar lá não tem palavras. Felicidade é o que define. Além desse evento ser o maior do Brasil, é a amizade que a gente faz. Hoje estamos em um grupo de 20 pessoas que conhecemos no rali. São amigos que parecem serem de infância. Não me vejo mais sem essa vida de rali e essa conexão com as pessoas”, conta Osvaldo.

    Campeões do ano

    Todas as emoções e a definição dos campeões da temporada 2018 ficou para essa última etapa. Tanto que as duplas da Master e Graduados venceram a prova de Mogi e conquistaram o título do ano.

    Olair Fagundes e Jhonatan Ardigo são os campeões da Master. “É um sonho”, vibra o piloto. “É muito difícil chegarmos onde chegamos. A prova de hoje foi difícil e mesmo assim conseguimos”, completa. Já Jhonatan conquista seu segundo título consecutivo no Mitsubishi Motorsports. “Deu tudo certo em mais esse ano. Já são 10 anos disputando o Mitsubishi Motorsports. Corri esse ano com o Olair e conseguimos fazer provas excelentes e hoje foi pra fechar com chave de ouro. Era apenas um ponto de diferença e conseguimos vencer e sairmos campeões da temporada”, conta o navegador.

    Na Graduados, Fabio Vernizi e Orestes Bacchetti Jr. subiram ao lugar mais alto do pódio. “Esse ano o desafio foi muito grande, com cada etapa em um tipo de piso diferente. Teve areia, piso muito duro e hoje a lama. O que determinou foi o nosso entrosamento. Conseguimos um ajuste fino muito grande, todas as provas estivemos no pódio e coroamos vencendo essa última etapa”, explica Fabio. “Viemos com ansiedade pois estávamos na liderança, mas fizemos nossa parte e não nos preocupamos com os adversários. Ganhamos a etapa e ganhamos o campeonato. Essa prova vai ficar pra eternidade”, comemora Orestes.

    Já Patrick Celeski e Felipe Pachewsky usaram a regularidade ao longo do ano para se manter na ponta da classificação. “Foi o primeiro ano que competimos o ano todo. Foi muita determinação, foco, vontade de chegar até o final e conquistar o troféu”, afirma Patrick. “A etapa de hoje fechou muito bem o campeonato, foi a melhor do ano. Mas a etapa de Joinville (SC) foi muito especial pra gente, onde conquistamos o primeiro lugar”, relembra Felipe.